'body-fauxcolumns'>

Governo da Bahia

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

BRASIL: LULA PRESO INCENDIARIA O PAÍS, DIZ DORIA

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), surpreendeu nesta quarta-feira, 4, ao defender que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não seja preso. 
Um dos críticos mais ferozes de Lula, Doria disse que uma prisão do ex-presidente em plena corrida eleitoral seria um "erro histórico". "Seria a pior hipótese a Justiça, embora totalmente soberana para decidir, aprisioná-lo em meio ao processo eleitoral. Seria um erro histórico", disse o tucano, que almoçou com empresários franceses e brasileiros na capital paulista. "Se prenderem o Lula, pior ainda, porque ele vai se vitimizar e aí incendeia o País", afirmou. 
Doria defendeu também que "a Justiça faça justiça". "Mas tenha sensibilidade também de não emitir uma sentença durante o processo eleitoral". "Creio que para o País seria arriscado ter uma liderança como a do ex-presidente preso. Poderia criar uma conturbação muito grande."
Durante o encontro, o prefeito tucano também defendeu a permanência do senador Aécio Neves, que está afastado do cargo e em recolhimento domiciliar noturno, na presidência do PSDB. "Não se justifica agora talvez estabelecer um processo convulsivo na iminência de termos uma eleição pacífica e tranquila", disse. "A eleição já está definida para o começo de dezembro, então defendo seguir esse processo e eleger uma nova executiva do que todo um esforço para condenados o senador Aécio Neves e com isso fragilizar o PSDB."
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Envie suas sugestões, críticas e denúncias.

Mais Notícias