'body-fauxcolumns'>

Governo da Bahia

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

GONGOGI: Professores reivindicam direitos e aderem a paralisação nacional do dia 10


Os professores da rede municipal de Educação do município de Gongogi, no interior do estado da Bahia, dedicaram esta semana para lutarem pela efetivação dos direitos da categoria que até então não não tiveram suas reivindicações resolvidas pelo prefeito municipal Edvaldo dos Santos, Kaçulo (PR).

O evento extenso que foi denominado como Semana de Luta por Direitos dos Profissionais da Educação em Gongogi-Ba, coordenado pela APLB/Sindicato, iniciou desde segunda-feira (04) na tentativa de negociar com o prefeito municipal algumas demandas pendentes com a categoria. Dentre as reivindicações, destacam-se o pagamento do mês de dezembro de 2016, regularização do consignado e unificação do PCR e se estenderá até sexta-feira (10) com a paralisação nacional contra a reforma trabalhista num dia inteiro de atividades promovidas pela classe trabalhadora.

Segundo a coordenação da APLB em sua divulgação, nesta quinta-feira (09), haverá uma assembléia na sede da entidade com a presença do prefeito, que foi previamente convocado, informando ainda que caso o mesmo não comparecer, os profissionais da educação, estudantes, mães, pais e munícipes interessados pela causa fará uma grande caminhada até a Prefeitura Municipal na tentativa de sensibilizar o gestor a atendê-los e discutir o futuro da educação de Gongogi que encontra-se com sérios problemas. (Portal Gongogi)

Banner de divulgação do evento




Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Envie suas sugestões, críticas e denúncias.

Mais Notícias